Com 156.221 pontos a CPH Brasil, de Balneário Camboriú, está liderando o TriClub Rankings, divulgado nesta segunda-feira (16) pela Ironman Global.

A Ironman, que organiza as provas em todo o mundo, criou uma competição entre as assessorias (times de triathlon para profissionais, para amadores ou para os dois, que é o caso da CPH Brasil, que tem profissionais como Ígor Amorelli, Pâmela Oliveira e Chicão Ferreira e 250 amadores espalhados pelo país).

Em dezembro, a CPH Brasil completará cinco anos. Hoje em seu quadro constam oito técnicos e 80 cadastrados no TriClub. Ao todo treinam com a CPH Brasil 250 atletas espalhados pelo Brasil, com subsedes em Floripa, Belém e Joinville. Rafael Cruz (Palito) e Carlos Morais são os ‘head coach’ da CPH Brasil, cuja matriz é em Balneário Camboriú, em frente à Academia CPH. Foram eles que iniciaram a assessoria junto com o triatleta Ígor Amorelli.

“O ranking é uma competição entre assessorias e quem pontua são os amadores. Este é nosso primeiro ano, somos da divisão 5. A participação em cada resultado soma pontos. É importante ter um bom número de atletas (quantidade) e também pontuar entre os três primeiros (qualidade).”, disse Rafael.

Segundo explicou, a CPH Brasil conquistou muitos pontos nas duas provas de Iron e Meio Iron em Florianópolis esse ano, pela quantidade de participantes e pela qualidade dos resultados.

“Ganhamos a divisão 5 nas duas, o que contou muitos pontos no ranking. A importância de ganhar é legal para ver que o trabalho está se consolidando. Competir no TriClub é uma novidade para nós e liderar o TriClub mostra uma evolução geral de todos atletas”, disse Rafael.

Fonte: Página 3