Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Augusto Munchen com os irmãos Cláudio, Sérgio e Macita Werner.

Dois dos mais antigos e tradicionais investidores da praia, Moacyr Werner e Júlio Tedesco, foram homenageados na abertura da 7ª edição do Encontro Empresarial, da Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú (Acibalc), na noite desta terça-feira (24), no Hotel Sibara Flat.

Os dois empresários que representam a Camvel e o Grupo Tedesco, receberam a medalha Baltazar Pinto Corrêa que a Acibalc entrega todos os anos a pioneiros da praia. O presidente da Acibalc Augusto Munchen comandou a solenidade festiva.

Moacyr Werner não esteve presente por motivo de saúde, mas foi representado por três filhos, Cláudio, Sérgio e Macita Werner. Cláudio contou que há 87 anos seu pai já frequentava a cidade.

“A empresa que ele fundou tem 57 anos e o nosso município 54, e ele ficou extremamente honrado em ter sido lembrado, gostaria imensamente de estar aqui hoje. O pai adora Balneário Camboriú e adotou a cidade. Ele tem uma ligação muito forte com os empresários e ser homenageado por eles, realmente foi algo que o deixou muito feliz”, contou Cláudio.

Em seu discurso Júlio Tedesco agradeceu a homenagem e destacou um trabalho de sete décadas em Balneário Camboriú que começou com seu pai, Normando Tedesco.

Júlio e Vani Tedesco (D) a filha Juliana e o genro Aristides com o presidente da Acibalc e esposa

“Foi uma vida de trabalho e luta, que felizmente resultou em tudo isso. Podemos citar o mais recente empreendimento que é a vinda dos cruzeiros para Balneário. Todos os nossos empreendimentos tiveram grandes dificuldades e isso faz com que a gente vibre quando consegue inaugurar mais um. Somos todos apaixonados por Balneário Camboriú e a nossa vida é aqui”, diz.

Numea

Outra homenageado da noite foi o Núcleo da Mulher Empreendedora (Numea) da Acibalc, que completou 15 anos e foi representado pelas suas fundadoras. Cirlei Donato, uma das pioneiras, disse que o empenho rende frutos até hoje.

“Uma marca, um desafio e uma grande transformação. Acredito que o principal ganho foi ter percorrido o estado fomentando este núcleo em outras associações e o grande legado disso é o resultado dessa mulher no mercado”, finaliza.

Palestra

Após as homenagens, o escritor e empresário José Salibi Neto palestrou sobre o tema ‘Gestão do Amanhã’, abordando os impactos da 4ª revolução industrial na gestão das empresas e trouxe alguns caminhos para a gestão e os negócios no futuro. “O ambiente empresarial do mundo inteiro está tentando entender esse novo ambiente que está sendo transformado pela tecnologia, em uma velocidade jamais vista. A velocidade da tecnologia é mais rápida do que nossa capacidade de compreensão. A gente sempre pensou em um crescimento de 10%, 20% ao ano e com a tecnologia hoje esse crescimento é de 100%, 200%, ele não para, e é um grande desafio conseguir acompanhar”, diz.

Na sequência, o palestrante falou sobre a forma de ensino, onde o conteúdo está muito ultrapassado, no seu entendimento. “São professores analógicos ensinando alunos digitais e essa combinação resulta em algo não muito bom”, diz.

Ele ainda destacou empresas que foram desenhadas para ter sucesso no século XX, mas que fracassaram logo depois, como a Motorola, por exemplo, que foi a inventora do celular e que se tornou irrelevante, lutando pela sobrevivência. “Até pouco tempo atrás a vida média de uma empresa era de 40 anos, agora é de 15 anos e a tendência é diminuir ainda mais”, diz.

Como exemplo de novas empresas e produtos que dominam o mercado desde 2007, Salibi citou o Iphone e a Netflix. No contexto brasileiro citou o Nubank, que sem grandes burocracias, tem 3 milhões de usuários de cartão e vai se tornar um banco digital. No campo da alimentação citou o Ifood, que hoje é o principal concorrente do Mac Donalds no Brasil e tem mais de 8 milhões de pedidos no mês.

Fonte: Página 3