Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Texto e Fotos – Renata Rutes

A maior rodada de negócios calçadista de Santa Catarina, a SC Trade Show, está acontecendo até sexta-feira (26) no Infinity Blue Resort & SPA. O evento, que está em sua 28ª edição, é realizado duas vezes por ano – para apresentar as coleções de primavera/verão (sempre nessa época do ano) e outono/inverno (em novembro), tradicionalmente em Balneário Camboriú. Por falta de espaço, a feira não pode crescer, por isso a expectativa é levá-la para o Centro de Eventos, quando este for inaugurado. A entrada é gratuita e aberta ao público, mas os produtos só podem ser adquiridos por lojistas – segundo a organização mais de mil, de todo o Brasil e de países como Peru, Equador e Paraguai participam do evento. São mais de 100 marcas, divididas em 53 estandes.

 

Abertura oficial e novidades

A abertura oficial da SC Trade Show aconteceu na manhã de quarta-feira (24), com direito a bolo de aniversário para o Sindicato das Indústrias de Calçados de São João Batista (Sincasjb), entidade organizadora do evento que completa 29 anos em maio. Estiveram presentes o presidente do Sincasjb, Almir Manoel Atanázio dos Santos, vice-presidente Levi Sottomaior, vice-presidente regional sudeste da Fiesc, Tito Alfredo Schmidt, que representou o presidente da Fiesc, Mario Cezar de Aguiar, coordenador regional do Sebrae/SC da Foz do Itajaí, Sérgio Fernandes Cardoso, gerente executivo regional sudeste do Sesi/Senai, Daniel Thiesen Horongoso, superintendente da Assintecal, Ilse Guimarães, além do deputado estadual Altair Silva, prefeito de São João Batista, Daniel Netto Cândido, prefeito de Canelinha, Moacir Montibeller, e vereadores de São João Batista.

Nesta edição, as mais de 100 marcas expositoras de calçados, acessórios e bolsas, lançam em primeira mão suas coleções primavera/verão 2020.

A rodada de negócios é uma das grandes conquistas do sindicato nesses 29 anos. Segundo o presidente do Sincasjb, Almir Manoel, a cidade é o único polo que iniciou uma feira local ditando moda. A primeira aconteceu em Bombas, reunindo menos de 100 clientes, e hoje é referência na produção de calçados femininos a nível nacional, além de ser um case de sucesso internacional, sendo estudado por uma universidade da Inglaterra.

A indústria calçadista de São João Batista hoje se consagra como forte e consolidada, mas algumas conquistas foram recentes, como a sede própria do sindicato, que só foi adquirida em 2018. E os planos para o futuro são ousados: querem fazer a maior feira calçadista do país, e para isso acontecer depende apenas da inauguração do Centro de Eventos de Balneário.

“Tivemos uma grande dificuldade nesse ano, que foi o cancelamento de mais de 100 voos pela Avianca, mas fizemos uma força-tarefa e conseguimos resolver esse problema para nossos visitantes, inclusive teve até expositores que foram buscar lojistas em Florianópolis. Sofremos um grande prejuízo e agora esperamos o ressarcimento das passagens canceladas pela Avianca, mas mesmo com esse imprevisto não poderíamos deixar de trazer nossos clientes para o evento”, completa.

A rodada de negócios é realizada duas vezes ao ano. Entretanto, esta edição é considerada mais forte pela entidade, por trazer as tendências para as estações mais quentes do ano. “O verão é uma época mais alongada, o que dá mais tempo de venda para o lojista”, diz Almir.

O vice-presidente do Sincasjb, Levi Sottomaior, concorda com o colega, lembrando que 2019 iniciou mais otimista para os empresários após as mudanças políticas a nível nacional e estadual.

“Acredito que esse seja o ano mais esperado da década e já sentimos uma melhora na economia. Isso com certeza terá reflexo em nossa feira. Os expositores deste evento irão disparar na frente em vendas, até por ser a primeira feira do setor”, afirma.

Ele aproveitou para elogiar Balneário Camboriú, que é a escolhida para sediar a feira exatamente por ser bela e turística, sendo um atrativo a parte para os lojistas que vem para a SC Trade Show.

O coordenador regional do Sebrae/SC, Sérgio Fernandes Cardoso lembrou que a entidade participa da SC Trade Show desde a primeira edição, oportunizando a participação dos pequenos empresários.

“São João Batista é um polo que dá resposta. Os empresários participam e estão sempre atentos e o resultado está na feira. Durante as visitas que fiz nos estandes, fiquei muito feliz em ver todos expositores tirando pedidos, fechando negócios. Isso gera emprego e gira a economia de toda uma região”, comenta.

Minha Primeira SC Trade Show

Outra novidade desta 28ª edição é a “Minha primeira SC Trade Show”, em que os pequenos empresários de São João Batista e região contam com um espaço para apresentar as coleções e fortalecerem os negócios. A intenção é contemplar os pequenos fabricantes que, sozinhos, não teriam condições em participar do evento pelo custo do estande individual. Ao todo, são sete empresas participantes do projeto que estão dividindo um estande coletivo. Um deles é Otaviano Neto, representante da fábrica Karol Rocha, de São João Batista, que já conhecia a SC como lojista visitante. Dessa vez, foram convidados pelo sindicato e pelo Sebrae.

“Nunca tivemos oportunidade de participar por sermos uma empresa pequena, fazemos cerca de 200 pares por dia nesses sete anos de fábrica. As expectativas para a feira são boas, o pessoal já está entrando, olhando e comprando nossos produtos”, conta. A Karol Rocha aposta para o verão em rasteirinhas e sapatilhas, além de saltos – uma novidade da linha. As cores são variadas, desde as mais fortes como tons mais claros, voltados para o nude e terrosos.

 

Marcas clássicas acumulam anos de feira

A Via Scarpa, marca clássica de São João Batista, que já acumula 29 anos de existência – mesmo tempo que o sindicato, participa da SC Trade Show desde a sua primeira edição. O estilista responsável, Gilmar Rovea, explica que o evento tem uma grande importância para a Via Scarpa, trazendo reflexos positivos e ótimas vendas.

“Estamos otimistas com essa edição por estarmos apresentando nossa coleção de verão. Apresentamos sapatos abertos, pensando nos clientes do Norte e do Nordeste, que procuram bastante os nossos produtos, além de anabelas em corda e palha, priorizando matérias primas naturais”, afirma. A Via Scarpa aposta em cores neutras e no coral para o verão, mas Gilmar lembra que o vermelho e o mostarda também devem aparecer bastante.

“Detalhes em madeira e em metal dão um tom a mais e são muito bacanas. Viajamos para Nova York e Europa, exatamente para ‘confirmar’ as tendências”, completa.

A marca Suzani Bissoli também já é figura conhecida na SC Trade Show, acumulando 13 anos de história e participando da feira desde então. A estilista Marisa Dias diz que as expectativas para a edição são as melhores, já que aproveitam a feira – que é a primeira do segmento no ano – para lançar o seu ‘preview’, servindo de termômetro para saber se o público gostou ou não das peças apresentadas.

O público da Suzani Bissoli é exigente: são principalmente boutiques que adquirem os produtos da marca. Porém, Marisa afirma que isso é positivo, já que pode inovar na hora de pensar nos calçados.

“São mulheres que gostam de moda e estão antenadas nas tendências, então posso apresentar produtos diferenciados, sabendo que elas vão gostar. Apostamos nesse ano em flets, mas nosso DNA forte são as plataformas. O laranja, tons terrosos e linhos devem aparecer bastante, além do animal print, que é um clássico consagrado”, afirma. A estilista também viajou para Londres, Paris, Milão, Roma e Firenze – essa última é a preferida dela para se inspirar para a produção dos calçados de verão.

A Villa Rosa participa da SC Trade Show desde 2014, data de sua fundação. O gerente da marca, Edilson Soares, conta que o evento é bastante esperando por eles porque todos os anos batem as metas e saem com bons negócios. A feira é para eles a vitrine para cada nova coleção.

“Para o próximo verão estamos apostando em estampas de animal print e cobra, além de tons terrosos, vermelho… tons vivos serão os protagonistas. Vendemos para o Brasil todo, principalmente para o Norte e Sudeste. Há dois anos começamos a importar também, estamos começando. Com a participação dos importadores nessa edição acreditamos que vai ser uma boa hora para fortalecer isso”, salienta.

 

Visitantes vieram de longe

A empresária Jeneeire Alves Bezerra é de Juazeiro do Norte, no Ceará, e veio para Balneário Camboriú especialmente para visitar, pela primeira vez, a SC Trade Show. Proprietária da loja Planeta Calçados, ela afirma que se surpreendeu com tantas novidades apresentadas.

“E o bacana de estar aqui é que recebemos em primeira mão os lançamentos para oferecer aos nossos clientes”, comemora. Ela conta que já havia participado de outras feiras em Gramado e São Paulo, porém afirma que a SC Trade Show superou suas expectativas.

“Vejo que é uma feira que não podemos mais deixar de prestigiar, além de toda a organização e qualidade da estrutura”, pontua.

Em parceria com o Sebrae/SC, o Sincasjb também trouxe para a rodada de negócios importadores do Peru, Paraguai e Equador. A lojista Erika Caldenron é uma delas, vinda do Equador.

“É uma alegria enorme estar na feira e ter acesso a todas as coleções de verão, que é uma época que vende bem, e melhor ainda estar em Santa Catarina e ser tão bem recebida”, afirma. 

Fonte: Página3